quarta-feira, dezembro 3

... e assim de repente

O feriado à segunda-feira é bom... à terça ou qualquer outro dia também
Mas, assim de repente, não me estou a ver a acordar amanhã e já é quinta-feira!
Foi ao passar aqui pelo migalhas que caí na real... o último post desejava um bom fim de semana, não voltei a postar... só me resta amanhã, sexta vou à minha terra, depois de almoço lá vou... só volto na terça da parte da tarde, que nem sempre é um bom dia para migalhar... assim de repente deixo o blogue a sêco até quando?
Nem pensar... amanhã embarco num clique de inspiração e passo por aqui... é que, mais do que ninguém, gosto de ver o migalhas fermentar, das migalhas fazer pão, virtual, mas que me alimenta quando me quero encontrar, quando me quero questionar, quando me quero entender, reconhecer... é aqui que me procuro!

15 comentários:

claras manhãs disse...

Também já me confrontei co amanhã já ser quinta-feira.
Estas semanas são muito curtas, passam a correr.

beijinho

xistosa - (josé torres) disse...

Isso é uma doença.
Eu chamo-lhe o chamamento do blog, mas é a escravidão ... de sermos e fazermos, como e quando queremos.
Não é um paradoxo.
Somos livres e escravos de nós próprios.
Ninguém nos empurra.
Só há algo que nos chama ...
Esse algo é aquele puzzle, que lhe chamamos teclado.

Estou de volta.
A vida ruiu por completo, mas estou a tentar erguê-la.
Agora acredito que 'os cavalos também se abatem'.
A beleza da vida está na sua imprevisibilidade.
Mesmo que a beleza seja fera, rude, agreste e abrupta.
Bom dois dias de ... ócio, pata trabalhar no fim de semana, se for à terra...
Não posso desejar melhor sorte.

prafrente disse...

...e também S.Bento
Se nos quiser dar
Muitos feriados
Para festejar...

Força.Um pão de Quilo é feito com muitas migalhas, pacientementes guardadas...sem perder a esperança...só mais uma vez...outra vez talvez...

E um excelente fim de semana que já está á porta...eu tenho de aproveitá-lo para dar mais uma "esturricadela" aos neurónios...

inespimentel disse...

Minuxa... e agora amanhã já é sexta... agarra este dia, olha que ele nos está a querer escapar... embora guardar qualquer coisa de bom da sua fugaz passagem...

inespimentel disse...

Seja bem aparecido Xistosa, sente-se por aqui a sua falta.
Blogar é um vício bom, tb acho!
Reaprender a viver, sempre que nos devemos ajustar aos condicionalismos que nos impôe o destino, é uma arte!
Não me parece que vá constituir um obstáculo intransponível para si... até aposto que já se está a adptar a um ritmo mais calmo, devagar mas com intenção se fazem belos trajectos!
Vá melhorando, sim?

inespimentel disse...

Pois é parfrente feriados para o ano parece que nos vão ser roubados uns qunatos pelos marotos dos fins de semana!
E olhe, está cheio de sorte, estudar rejuvenesce, aproveite bem essa juventude, é uma benção!

Sam disse...

E é aqui que eu te encontro.Sempre com gosto, sempre com carinho, sempre com amor.O pão que nos dás aqui, de virtual só tem mesmo o veículo que o trás.
O facto é que estamos linkados, porque as pessoas tb se linkam, um atalho de um coração ao outro em banda larga, MUITO LARGA.
beijo doce

redonda disse...

Vim retribuir a visita e aproveitei para descobrir o seu blog. Que bom, mais alguém que leu as Aventuras da Dona Redonda e da sua gente :) Eu gostei muito do livro por isso é que me lembrei dele quando de repente me vejo a arranjar um blog :)
Li os seus outros textos anteriores e gostei (e não tenho nada contra as reticências :))
Gábi

inespimentel disse...

Redonda é engraçado... mas Dona Redonda tem uma pompa especial!
Obrigada pela visita!

inespimentel disse...

Sam é bom escolher com quem, quando, como e quanto queremos estar uns com os outros... abrir e fechar portas e janelas sem que outra coisa nos seja pedida e mais nada se espere de nós!
Entramos e saímos uns nas vidas dos outros e mergulhamos mais ou menos fundo, criamos laços, amizades, somos livres de aparecer e desaparecer, enfim isto é giro, para balançar com a teia de compromissos e expectativas que se estabelecem no mundo real!

Gigi disse...

Olá!
Eu já te conhecia, já cá tinha vindo parar algumas vezes através do 'Claras Manhãs' mas nunca comentei porque nunca achei nada apropriado(parvoíces das minhas!).
Ora bem, este post fala da rapidez com que o tempo passa e eu só posso concordar. Também fala de que é aqui que te procuras e com isto concordo ainda mais, escrever faz com que nos conheçamos melhor e, ainda, com que nos aceitemos, o que a meu ver é melhor ainda.
Mas já agora também quero comentar este teu último comentário (que estará aqui bem por cima deste meu se entretanto mais ninguém comentou enquanto escrevo), eu sempre achei que os relacionamentos virtuais são tão mais fáceis de lidar do que os reais...! Ninguém leva a mal se não nos apetece ou se não queremos escrever, ou até as nossas opiniões 'diferentes'. E, para mais, somos ouvidos, deixam-nos falar, aceitam-nos.
Eu adoro isto! O canal virtual é espectacular!

inespimentel disse...

100% de acordo contigo, GiGI, este dar e receber da amizade virtual deixa-nos muito soltas, tudo virado para o encontro, a expressão de uma ideia de um sentimento,uma indignção, um sonho... o que se queira!
Assim como se ao abrir o blogue já houvesse uma preparação prévia, um silêncio e uma intenção: dar e receber as palavras que nos brotam, que nos alimentam!
Aparece por aqui qu eu, assim como tu, adoro que comentem... só assim consigo povoar este deserto que há em mim!

Sam disse...

beijo doce e bom fim de coiso!
chuaaaaaaackkk!!!

Sam disse...

curto aquela foto que tens ali em baixo...pareces uma sereia...aliás uma Faneca, vareiramente falando, ou como dizem aqui os pescadores "Ai que fanéque fanéque, fosses minha e tavas na baixa maré a baixar esquilhas! "
LOLOLOLOLOLOLOLOLOLOL

beijinho doce
Sam

inespimentel disse...

Sam, faneca, carapau, sardinha... sou peixe, disseo estou segura!

o que me faz feliz

o que me faz feliz
o meu mundo ao contrário

O meu Farol

O meu Farol

A bela foto

A bela foto
o descanço dos meus olhos

A minha cama na relva

A minha cama na relva

O meu Algarve

O meu Algarve

...enquanto uns trabalham...

...enquanto uns trabalham...